Consumidor muda hábito de compra de itens sazonais

Avaliação:

(3 Avaliações)

Por Viviane Sousa - viviane.sousa@sm.com.br - 15/10/2015

Com a crise, o brasileiro deverá alterar os critérios de escolha dos produtos típicos neste fim de ano

 

As vendas de produtos sazonais neste Natal crescerão, como sempre ocorre. Mas, para garantir resultados ainda melhores, é importante considerar as mudanças de comportamento do brasileiro. Mais pesquisa de preço e substituição de versões, marcas e até categorias devem ocorrer, na busca por economia. Alguns fabricantes entenderam isso e se preparam para atender o consumidor. Saiba o que você precisa fazer



Carnes típicas

Carne para churrasco
Com a redução de refeições fora de casa em 2015, o ano-novo e as confraternizações deverão ser mais domésticas do que nunca. E churrasco é uma das preferências nacionais, que você pode incentivar ainda mais. Vale lembrar que picanha e contrafilé seguem como os cortes preferidos

Cortes suínos Perdigão estão de volta
Neste ano, a Perdigão voltará a comercializar seus cortes suínos, caso de tender, pernil temperado, lombo e picanha, que estavam fora do mercado desde 2012, por decisão do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Esse retorno deve beneficiar o varejo ao tornar o mercado de carnes natalinas mais competitivo

Substituições
Diante da contenção de despesas por parte do consumidor, Felipe Mendes, diretor geral da GFK, acredita em substituições de marca, versões e, até mesmo categorias. Ele não descarta, por exemplo, que alguns consumidores troquem o peru ou as aves especiais por frango. Isso significa que o sortimento de frango resfriado tem que receber atenção. O mesmo vale para os cortes suínos

Compra de última hora
Se antes era grande o número de consumidores que deixava para a última hora as compras de carnes natalinas, neste ano a tendência à postergação deverá ser ainda maior. Isso em função da busca por promoções, segundo Felipe, da GFK. A dica é atenção redobrada ao abastecimento do PDV, para evitar ruptura. A reposição precisa ser bem planejada, porque dela dependerá o bom resultado das vendas

Pesquisas online
As carnes natalinas estão entre as categorias que mais terão seu preço pesquisado pelos consumidores na internet. A dica é intensificar campanhas no site e nas redes sociais. Use o Facebook, Twitter e Instagram a seu favor

20%
É a média de crescimento no volume de vendas de carnes natalinas prevista pela Seara. Em 2014, o aumento nas vendas foi o mesmo, conforme dados Seara/Nielsen


Cervejas

A categoria tende a ser beneficiada pelas mudanças no comportamento do brasileiro em busca de economia. Neste fim de ano, muitos consumidores deverão substituir bebidas caras por cerveja, segundo Felipe Mendes, da GFK

Para presentear
Ofereça kits de cervejas premium e especiais. Eles são boa opção de presente. Além disso, o segmento tem alto valor agregado, o que ajuda a rentabilizar os resultados. A exposição pode ser em ilhas

Harmonização
As cervejas premium e especiais costumam ter um sabor mais encorpado e, por isso, devem ser harmonizadas corretamente. Cartazes nas gôndolas com dicas de como harmonizar com carnes natalinas é uma forma de estimular as vendas. Cross merchandising com essas carnes também pode contribuir para elevar o giro

16%
Dos consumidores são fiéis às versões premium. E eles gostam de encontrar variedade
Fonte: Mintel

36%
É o aumento do volume de vendas da versão premium, entre 2010 e 2013
Fonte: Mintel



Vinhos e espumantes

Nacionais em alta
Com o aumento excessivo do dólar, este pode ser o Natal dos vinhos nacionais, segundo Diego Bertolini, do Ibravin

O preferido
Moscatéis estão entre os espumantes preferidos do brasileiro, em especial dos mais jovens. Não deixe faltar na loja
Fonte: Ibravin

Receitas criativas
Estimule a venda de espumantes e de vinhos com dicas de pratos quentes natalinos que têm as bebidas como ingrediente. Lombo regado com molho de espumante e peru assado no vinho são exemplos disponíveis na internet. As receitas podem estar em cartazes

8% a 10%
É a expectativa de aumento no volume de vendas durante as festas de fim de ano
Fonte: Salton

23%
Foi a alta em volume das vendas do espumante nacional, entre janeiro e julho. Nesse período, o vinho nacional subiu 4%
Fonte: Ibravin



Sidra

Na geladeira
Na noite de Natal e Réveillon, procure disponibilizar sidra e espumante geladas. Sempre tem aqueles que deixam para comprar a bebida na última hora. De preferência distribua as garrafas em um freezer com porta de vidro para que possam ser visualizadas. Para evidenciar ainda mais a ação, coloque o freezer perto dos checkouts

Coquetéis e sobremesas
Aproveite para fixar alguns cartazes nas gôndolas com dicas de coquetéis de frutas à base de sidra. Também explique que a sidra harmoniza bem com sobremesas de maçã

15%
É quanto uma boa variedade de sidras saborizadas pode incrementar sua margem de lucro. Afinal, elas têm maior valor agregado. A versão tradicional, no entanto, não pode faltar na loja, porque segue como a preferida dos consumidores
Fonte: CRS Brands



Bacalhau

Bacalhau dessalgado
A consumidora, mesmo em tempos de crise, não abre mão da comodidade. Portanto, não esqueça a versão já pronta para preparo. Sobretudo em lojas com público mais abonado

Porções econômicas
Com a contenção de despesas dos brasileiros, diante da crise econômica, a dica é ter um bom sortimento de bacalhau em tiras, lascas, e pequenos pedaços. Além de ter preço mais acessível, combina com várias receitas. Alguns fornecedores da Noruega já oferecem esse tipo de produto

Bacalhau no churrasco
Incentive as vendas ensinando novas receitas do produto. Uma delas é de bacalhau grelhado. É muito saboroso e vai ao encontro do gosto do brasileiro por churrasco. Leve um chef para ensinar o preparo da iguaria, use cartazes na seção e divulgue nos tabloides e em posts nas redes sociais

60% a 70%
Do consumo de bacalhau ocorre durante o Natal e a Páscoa
Fonte: Conselho Norueguês da Pesca



Destilados

Black Friday
A ação, que ocorre no último fim de semana de novembro, será uma boa oportunidade para os supermercados anteciparem as vendas online de destilados. A dica é da Pernod Ricard

Promoção
Para elevar as vendas na semana de Natal, a loja pode oferecer gratuitamente um pacote de gelo para quem levar garrafas de vodca e uísque. Divulgue a promoção nos tabloides, loja e internet

Embalagens econômicas
A Pernod Ricard lançou garrafas de menor volumetria de alguns de seus destilados, para garantir menor desembolso para o consumidor. Ballantine's 12 anos de 700 ml e Passport de 670 ml, são alguns exemplos. A expectativa da fabricante é que tenham boa saída durante as festas de Natal. Ensinar receitas envolvendo as bebidas também é útil

36%
É a participação média das mulheres no consumo de uísque
Fonte: Diageo/Instituto TNS Research



Panetones

Versões Premium
Fabricantes, como a Arcor, apostam em suas versões mais premium, como as recheadas e trufadas, principalmente como opção para presentear. A dica é expor em ilhas

Embalagem econômica
A La Rioja reduziu de 500 gramas para 400 gramas versões em lata e sachê. Isso para deixar o produto mais barato e assim atender o shopper mais exigente

Cross merchandising
Panetone de chocolate com vinho do Porto ou panetone de frutas secas e cristalizadas com espumantes moscatéis e os tipos demi-sec. Essas são algumas alternativas inusitadas de venda casada, capazes de elevar o tíquete médio da loja. Mas você precisa explicar que a harmonização já foi testada e é deliciosa

Incremente o panetone
Para estimular as vendas de panetone, espalhe pela loja dicas de uso do produto no preparo de pudins, pavês, cheesecakes. Essa também é uma maneira de ajudar a cliente a não desperdiçar sobras e produzir sobremesas diferentes e saborosas

20%
É a expectativa de aumento no volume de vendas das marcas Festtone e Roma



Frutas secas

Tira-gosto
Frutas secas, castanhas e nozes são boas alternativas de tira-gosto para harmonizar com bebidas. Tente, por exemplo, cross merchandising com cerveja, vodca, uísque e outros destilados

Apelo saudável
Divulgue as propriedades de cada fruta seca e seus benefícios para a saúde. Cada vez mais elas ganham destaque e são indicadas por nutricionistas para uma dieta equilibrada. Aproveite o Natal para criar no público o hábito de consumir frutas secas com frequência

Opção para todos os bolsos
A La Rioja trabalha com pacotes de 50, 60 e 100 gramas. E a La Violetera criou uma embalagem de 500 g com mix de frutas secas. Voltada mais para os atacarejos, o preço é proporcionalmente 30% inferior ao dos pacotes menores

13%
É a expectativa de aumento em valor nas vendas de frutas secas da La Violetera. Período: setembro a dezembro deste ano

Comentários

Comentar com:
Publicidade

ENQUETE

O consultor Éneas Pestana (ex-GPA) afirmou que, na hora da crise, o varejista tira dinheiro do bolso para capital de giro. O que você faz?

GPS - Guia prático de sortimento

Aqui você pode navegar por todas as seções e categorias de produtos. Utilize um dos filtros abaixo para visualizar as informações:

BUSCAR
Publicidade